sessão de pôster
-
11

Gênero, Democracia e Políticas Públicas 2

terça-feira, 5 de Agosto de 2014 - 18:30

Debatedores

Maria Luzia Miranda Álvares (UFPA - Universidade Federal do Pará)

Apresentações

Os Estudos sobre Políticas Públicas na Ciência Política Brasileira

As mudanças políticas ocorridas no Brasil desde os anos 1990 possibilitaram um crescente investimento dos governos nas políticas públicas, o que tornou esse tema essencial para a agenda de pesquisa da ciência política. Com a intenção de dimensionar esta importância, este trabalho propõe responder as seguintes questões: qual a proporção dos trabalhos sobre políticas públicas na produção da ciência política brasileira? Qual tipo de política pública é mais estudado? Este tema está concentrado em alguma instituição de ensino ou pesquisa? Existe variação no tempo do tipo de política pública estudado? Quais são os tipos de pesquisa, de fontes de dados e de métodos presentes nos trabalhos sobre o tema? De que maneira os artigos sobre políticas públicas estão distribuídos entre as revistas acadêmicas? Para tanto, será apresentada uma análise descritiva dos artigos publicados em seis revistas de ciências sociais do Brasil (BPSR, Dados, Lua Nova, Opinião Pública, Novos Estudos e RBCS) no período de 1966 a 2013 que tenham como tema as políticas públicas.

Amanda Urbano Souza
Indicadores de qualidade de vida e sua relevância na formulação e avaliação de políticas públicas

A conceituação de qualidade de vida “encontra-se numa fase de construção de identidade” (ALMEIDA, 2012) e em razão da sua “complexidade e utilização por diversas áreas de estudo (...) a falta de consenso conceitual é marcante” (FARQUHAR, 1995 apud PEREIRA at el., 2012).
Diversos são os segmento da sociedade que se apropriam desse termo utilizando-o, segundo ALMEIDA et al. (2012), para “resumir melhorias ou um alto padrão de bem-estar na vida das pessoas, sejam elas de ordem econômica, social ou emocional”. Visto que possibilita “muitos significados, que refletem conhecimentos, experiências e valores de indivíduos e coletividades que a ele se reportam em variadas épocas, espaços e histórias diferentes, sendo portanto uma construção social com a marca da relatividade cultural” (MINAYO el al. 2000)
Porém, como mensurar a qualidade de vida de uma determinada população? Quais são os instrumentos utilizados para medir a qualidade de vida? Pensando em elucidar essas questões o presente trabalho busca, através de uma pesquisa bibliográfica exploratória, apresentar um debate a respeito do que é qualidade de vida e de alguns indicadores utilizados para mensurá-la, mostrando sua relevância na formulação e avaliação de políticas públicas

Marcia Leite Borges
Os movimentos LGBT e feminista no Brasil: Da mordaça autoritária à publicidade na esfera transnacional

Posteriormente ao processo de abertura democrática, eclodiram diferenciações e diversificações nas apelações frente ao poder público entre os movimentos sociais. Tal fator alçou novas gramáticas de integração, conflitos e mobilização no seio da sociedade civil. No caso desta proposta, selecionaram-se dois movimentos frutos deste processo de visibilidade, a saber, o Movimento Feminista e o Movimento LGBT. O interesse de discuti-los conjuntamente deriva do fato, de ambos estarem interligados historicamente no Brasil, e por trazerem para o debate público assuntos como reconhecimento e igualdade de direitos. Neste sentido, o objetivo deste texto resulta em examinar os principais processos de transformação e articulação destes movimentos a partir dos anos noventa (90) e anos 2000. Para isso, busca-se dialogar sobre a importância do processo de reabertura democrática para a publicização de temas até então presos no mundo privado. Do mesmo modo, demonstra-se o processo de luta para a ampliação dos canais comunicativos entre Estado e sociedade civil. Por fim, discutem-se as “novas” formas de associativismo através do Ciberespaço. Que tem se constituído como uma ferramenta de informação e mobilização para estes movimentos no Brasil.

Luis Gustavo Teixeira da Silva