Nota de falecimento: Alfred Stepan (1936-2017)

É com pesar que a Associação Brasileira de Ciência comunica à comunidade brasileira da área o falecimento de Alfred Stepan, no último dia 27, em decorrência de um câncer. Stepan estava em sua casa, em Nova York.

Alfred Stepan foi um cientista político voltado aos estudos políticos comparativos. Graduou-se na Universidade de Notre Dame em 1958 e conquistou o doutorado na Universidade de Columbia em 1969, tendo iniciado logo depois sua carreira como professor na Universidade de Yale. Foi o primeiro reitor da Central European University e um dos poucos acadêmicos a ser membro simultaneamente da Academia Americana de Artes e Ciências e da Academia Britânica.

É autor de uma série de livros, como Arguing Comparative Politics (Oxford Press University, 2001), Democracy in Multinational Societies: India and Other Polities (em co-autoria com Juan Linz e Yogendra Yadav; John Hopkins University Press, 2010) e Democracies in Danger (John Hopkins University Press, 2009).

Em 2002, Stepan foi condecorado com a Ordem do Rio Branco pelo governo brasileiro, em 2007 apareceu na lista dos 400 cientistas políticos mais citados dos Estados Unidos. E em 2012 recebeu o prêmio Karl Deutsch da International Political Science Association.