Nota da Diretoria - Em defesa da democracia e dos direitos humanos

A Associação Brasileira de Ciência Política reforça seu compromisso com a democracia e os direitos humanos, em um momento em que pronunciamentos do atual presidente da República desafiam os valores democráticos, os direitos individuais e o direito à livre associação e manifestação.

A ditadura inaugurada em 1964 criminalizou a oposição política e o dissenso e, com isso, promoveu e legitimou a tortura e o assassinato de opositores. O Relatório da Comissão Nacional da Verdade apresenta evidências dos crimes cometidos. 

São muitos, também, os estudos nas áreas de Ciências Sociais e de História que se dedicaram à análise do regime autoritário, de suas características e de suas consequências. Está em jogo não apenas o compromisso com a democracia, mas também o compromisso com a verdade histórica e com a produção acadêmica qualificada.