Nota: esclarecimentos sobre o funcionamento da ABCP e envio de trabalhos para o XI Encontro

1. Sobre o funcionamento da ABCP

Prezadas associadas e associados,

Este ano chegaremos à 11a edição do Encontro da ABCP, o maior evento da área de Ciência Política no país e que, desde 1996, cresce não apenas em tamanho, mas também em relevância nacional e internacional.

Recentemente, recebemos críticas públicas a respeito dos valores de nossas anuidades e das taxas de inscrição no XI Encontro, dos benefícios oferecidos a associados, além de outras queixas referentes às etapas necessárias para envio do resumo do trabalho. Não temos o hábito de apresentar um posicionamento público a respeito de críticas sobre esses tópicos, já que em sua maioria representam situações individuais de associados que são solucionadas por nós da melhor forma possível.

Entretanto, acreditamos ser importante oferecer uma resposta às informações que colocaram em dúvida os direitos e deveres de nossos associados, todos previstos no Estatuto da ABCP, nas Regras de Financiamento para Encontros, entre outros documentos, tais como chamadas de trabalhos e editais de prêmios e participação de congressos.

O funcionamento regular da ABCP é garantido pelo trabalho da diretoria – que não recebe qualquer remuneração (ou isenção de anuidades) – e de uma equipe permanente com diferentes especialidades que significa um custo fixo mensal elevado. A despeito disso, a associação vem tomando medidas relevantes no sentido de atenuar o esforço financeiro dos associados sem comprometer o orçamento da Associação, a saber:

  • Congelamento das anuidades de todas as categorias desde fevereiro de 2012, quando houve o último reajuste de R$ 20,00.
  • Em 2012, perdão de todas as anuidades em atraso.
  • A partir de 2016, 10% de desconto para os associados que pagassem anuidades até a data de vencimento. Para os atrasados, conforme decisão coletiva em Assembleia Geral, implementação de juros (5% ao mês) após a data de vencimento e multa (20% do valor, uma única vez) após seis meses da data de vencimento para anuidades em atraso. A combinação dessas medidas tem o intuito de estimular o associado a se manter em dia com as anuidades, uma vez que os atrasos, que habitualmente ocorrem nos anos sem Encontro, trazem complicações financeiras e administrativas para a Associação.
  • Em 2017, dada a alta taxa de inadimplência (superior a 50%), houve novo perdão das anuidades atrasadas anteriores a 2016.
  • Em 2017, as Regras de Financiamento para Encontros foram novamente atualizadas, retirando a isenção de taxas de inscrição para membros da diretoria e coordenadores de área temática.
  • Realização do XI Encontro em espaços da Universidade Federal do Paraná, sem custos de aluguel do espaço.
  • Acordo com a Universidade Federal do Paraná para uso do bandejão por congressistas do XI Encontro, a custo notavelmente inferior aos restaurantes da região.
  • Também está em negociação com a Universidade Federal do Paraná o uso espaço dedicado ao cuidado de bebês e crianças por participantes do XI Encontro.

BENEFÍCIOS E TRANSPARÊNCIA

Frequentemente recebemos o questionamento de associados ou de pessoas que querem se tornar associadas da ABCP a respeito dos benefícios oferecidos pela associação além da organização bienal do Encontro nacional. Gostaríamos de apontar alguns deles:

  • A ABCP é responsável pela publicação da Brazilian Political Science Review, a maior revista da área do país e que permite que autores brasileiros possam ser lidos em língua inglesa, uma vez que parte significativa da tradução dos textos enviados em português ou espanhol é custeada pela associação.[1] Trata-se de um benefício partilhado com o público em geral, e não exclusivo dos associados.
  • Entre 2013 e 2017, 20 doutorandos foram selecionados via editais abertos e amplamente divulgados para receberem auxílio-participação em congressos internacionais na França, no Reino Unido e na África do Sul.
  • Nossa parceria com a IPSA-USP Summer School também oferece desconto para associados e bolsas integrais de participação. Em 2018, oito associados foram selecionados, dois de cada uma das quatro regionais da ABCP.
  • Não realizamos apenas um evento bianual. Em parceria com as diretorias regionais (sul, sudeste, nordeste e centro-norte), criadas em 2017 com o intuito de capilarizar a ABCP e aproximá-la de seus associados, foram promovidos, em um único ano, seis eventos acadêmicos por todo o país: Diálogos Regionais e as Escolas Livres de Ciência Política (Brasília e Curitiba), Cátedra Guillermo O'Donell (Rio de Janeiro) e o Seminário 30 anos da Constituição de 1988 (Recife); esses eventos foram direcionados a alunos de pós-graduação e graduação. Com exceção dos minicursos ofertados na Escola Livre de Ciência Política, não houve taxa de inscrição ou foi oferecida isenção de inscrição para associados.
  • Premiações: a ABCP premia associados regularmente nos Encontros em categorias de livros, artigos e pôsteres (prêmios em dinheiro para 1º e 2º colocados). A partir de 2017, criamos também o Prêmio ABCP de Melhor Tese de Doutorado como resultado de um processo amplo de consulta a pareceristas. Em 2018, a tese premiada será publicada por meio de convênio da associação com a Editora da UFPR e a Fundação Konrad Adenauer.
  • Além da publicação de teses premiadas, a ABCP vem consolidando sua presença na cena editorial. Em 2012, organizamos a publicação do livro "Mulheres nas Eleições 2010"; em 2016, organizamos o livro " A Ciência Política no Brasil", e em 2018 lançaremos uma publicação sobre a Constituição de 1988.
  • Desde 2009, a ABCP contribui para a viabilização do Fórum Brasileiro de Pós-Graduação em Ciência Política.

Sabemos que há demanda de vários associados por benefícios individuais, como descontos em assinatura de publicações e na compra de livros em livrarias e editoras, mas o tamanho reduzido de nossa infraestrutura em recursos humanos e nossa prioridade em oferecer mais espaços de debate têm deixado essa demanda em segundo plano. Os eventos e as parcerias institucionais realizados por nós exigem um importante trabalho de “bastidores”.

Destacamos acima pontos que demonstram como a associação atua em relação ao uso dos recursos que dispomos e ressaltamos que o ajuste realizado nas taxas de inscrição para o XI Encontro foram feitos em faixas de 10, 20 e 30 reais, a depender da categoria de inscrição, no comparativo com a tabela de preços praticados em 2016.[2]

Gostaríamos de esclarecer que há sensibilidade por parte da diretoria em relação ao cenário econômico, que atinge os setores de pesquisa e educação no país e afeta diretamente nossos associados e, por esse motivo, tomamos as medidas descritas acima evitando - sempre que possível - o repasse de custos aos associados. Somos uma associação acadêmica sem fins lucrativos e todos os nossos recursos são aplicados integralmente nos custos operacionais dos projetos que realizamos.

Por fim, e absolutamente não menos importante, nossos balanços financeiros, a partir do 1º semestre de 2017, estão disponíveis para consulta livre em nosso site: https://cienciapolitica.org.br/institucional/balanco-financeiro. Nessa seção, é possível checar como os recursos da ABCP são aplicados. Esperamos disponibilizar o balanço referente ao 2º semestre em breve.

 

[1] Em 2018, a ABCP conseguiu recentemente um patrocínio da Itaipu Binacional para que os custos administrativos e de tradução da revista sejam cobertos pelos próximos 5 anos. Veja em: https://cienciapolitica.org.br/noticias/2017/12/abcp-e-itaipu-binacional-firmam-acordo-para-financiamento

[2] Ver documento anexo a postagem deste texto. Valores de Inscrição X Encontro (2016). [PDF]

2. Problemas enfrentados no envio dos resumos para o XI Encontro

Prezadas associadas e associados,

Sabemos que muitos associados encontraram/encontram dificuldades para o envio dos resumos de seus trabalhos. Três situações principais eram/são comuns a esses associados:

  1. O associado ou associada está em dia ou realizou o pagamento de anuidades e está em situação regular, mas não consegue enviar o resumo em seguida.

Há uma checagem manual para liberação dos associados que estão em dia. No final de semana anterior ao dia 15 de janeiro, mais de cem associados regularizaram suas anuidades, o que gerou uma fila de espera no dia 15 para liberação. Solicitamos que após a regularização de anuidades, o associado aguarde 1h para enviar seu resumo. Se o processo for realizado em um final de semana, aguarde até a segunda-feira.

  1. O associado ou associada não atualizou seus dados no site no ano de 2017, mas informa que realizou o cadastro no site da ABCP e não consegue enviar o resumo. O associado ou associada encaminha print da tela de cadastro do sistema de envio de trabalhos.

Em todas as comunicações realizadas por e-mail, informamos aos associados que não realizaram atualização cadastral em 2017, que existem duas áreas de registro: o site da ABCP (cienciapolitica.org.br) e o sistema de envio do XI Encontro (https://cienciapolitica.org.br/eventos/11o-encontro-abcp). Ambas estão em diálogo para liberação do nome para envio, mas solicitam o registro de informações similares. As duas também têm login diferentes entre si.

  1. O associado entra em "Minha Conta" no site da ABCP e confunde os botões em laranja para iniciar o pagamento de anuidades com a informação de que as anuidades estão em atraso.

O quadro informativo na lateral direita do painel 'Minha Conta' possui textos explicativos que informam que os botões não são anuidades em atraso. Solicitamos atenção aos associados na leitura das informações em nosso site e no sistema de envio.

Pedimos desculpas pela exigência de atenção a todas essas informações e esperamos aprimorar futuramente o site da ABCP para que os associados tenham maior autonomia na hora de envio de trabalhos, de modo a retirar a checagem manual após a confirmação de pagamentos.

A possibilidade integração de todas as operações no mesmo site foi estudada pela diretoria, mas significaria o desenvolvimento próprio de uma ferramenta complexa e custosa para a associação e seus associados.

Gostaríamos de reforçar também que não é preciso realizar o pagamento da Anuidade 2018 para ter seu nome liberado. Essa anuidade vence apenas no dia 5 de maio e, portanto, não está integrada ao sistema de bloqueio.

Não é necessário também o pagamento da taxa de inscrição no XI Encontro. Essa taxa deverá ser paga apenas após a data de divulgação do aceite dos trabalhos.

Se você realizou pagamentos de anuidades e ainda não consegue enviar seu trabalho, por favor, não hesite em entrar em contato conosco nos e-mails e/ou telefones abaixo:

CONTATO

DÚVIDAS SOBRE ANUIDADES E REGISTRO DA ABCP:

abcp@cienciapolitica.org.br

comunicacao@cienciapolitica.org.br

(21) 2266 8319 (Seg./Sex. 9h às 17h)

Para dúvidas sobre o sistema de envio dos trabalhos, entre em contato com a Secretaria do Encontro:

encontro2018@cienciapolitica.org.br

(41) 9 9136 9361 ou (42) 99859-8774  (Seg;/Sex. 9h às 17h)

Documentos relacionados