"Apesar da degradação, Cerrado tem recursos para um novo tipo de desenvolvimento", diz Mauro Pires

A terceira edição da série de webinários promovidos pela Brazilian Political Science Review (BPSR) recebeu, na quarta-feira (30), Mauro Pires, analista ambiental do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio), para debater, juntamente com o sociólogo Arilson Favareto, os desafios do Cerrado brasileiro à luz dos vetores que têm contribuído para a redução deste que é o segundo maior bioma do país.

"Na literatura, o que a gente observa é que, de fato, os dois grandes vetores do desmatamento no Cerrado não são diferentes daqueles que a gente encontra na Amazônia, tanto a pecuária quanto a agricultura - nesse caso, as lavouras temporárias, sobretudo da soja", disse Mauro Pires, que é autor do artigo "Cerrado, old and new agricultural frontiers", objeto de discussão neste webinário.

Em diálogo com Mauro, o sociólogo Arilson Favareto, que é pesquisador do Cebrap (Centro Brasileiro de Análise e Planejamento), destacou como o mundo pós-pandemia não será, necessariamente, melhor do que antes. A covid-19, segundo ele, abriu a oportunidade para o país pensar em uma nova agenda ambiental.

"No caso do Brasil em particular, grande parte das nossas possibilidades de futuro passam por uma decisão da sociedade brasileira a respeito de como ela quer conduzir o uso da sua base de recursos naturais e a sua forma de inserção internacional no futuro. Nós estamos, basicamente, colocados numa encruzilhada", frisou.

No debate, que está disponível no canal da ABCP no YouTube, Mauro destacou as potencialidades da biodiversidade brasileira, e como há vantagens comparativas que não podem ser desprezadas. Para ele, é preciso olhar para os setores que tenham interesse numa estratégia de desenvolvimento diversificada.

"Eu entendo que o futuro ainda não está definido (...). Isso ainda é uma disputa e, se existe um lugar que tem condições para combinar diferentes estratégias de desenvolvimento, esse lugar é o Brasil, e em particular a região do Cerrado", ressalta.

Assista ao vídeo do debate na íntegra:

Sobre os webinários

Esta série de webinários é uma iniciativa da Brazilian Political Science Review (periódico da Associação Brasileira de Ciência Política), que marca o lançamento da nova seção no periódico: o BPSR Forum.

Junto a artigos originais, avanços de pesquisa, balanços bibliográficos e resenhas de livros, a BPSR Fórum veicula artigos dedicados ao diagnóstico de problemas do presente informados pelo conhecimento especializado de pesquisadoras e pesquisadores com trajetórias de produção de conhecimento na área correspondente.

>> Saiba mais sobre este projeto.